?

Log in

 
tatygalimberti
18 March 2010 @ 05:38 pm



HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

 
 
tatygalimberti
18 March 2010 @ 04:55 pm


Resolvi fazer um post especial sobre Clarice Lispector, considerada a escritora modernista mais importante do Brasil no século XX. Ele é realmente grande mas é realmente muito interessante de se ler. Qualquer dia desses posto algumas reviews de alguns de seus livros.
Clarice LispectorCollapse )
 
 
tatygalimberti
18 March 2010 @ 04:36 pm
I feel so lost.
I know everything I do and not do. For example, I know I should study physics because I'm terrible.
But who said I can? I'm here, posting on LJ. HAHAHA
I was supposed to be studying literature. But see the interviews of Lisa Edelstein kill me!
How can she be so cute?
I study math listening to Madonna. There is nothing better to exercise concentration. gaga1
Yesterday I work out to Lady Gaga. (confession)

Later, icons.

Sorry for any mistake, my English is horrible.
 
 
tatygalimberti
16 March 2010 @ 03:34 pm
Olá =) quando eu disse que ia soltar meus cachorros aqui eu não tava brincando ok. Tudo começou ontem, eu estava bem demais. Fui tentar estudar mas meus vizinhos se preocupam mais em ouvir djavu em uma altura que todo o mundo escute. Eles querem que todos estejam cientes do talento e da batida "envolvente" dessa porcaria maravilhosa banda. Até ai meu nível de stress estava ótimo né rs. Deicidi então pegar meu lindo mp4 que não queria ligar... eu pacientemente e muito calma, resolvi passar então algumas músicas pro meu celular. Agora me perguntem a onde estava meu cabo USB que geralmente fica na minha gaveta onde ninguém mais mexe? Vai eu procurar... EU FIQUEI 1 HORA PROCURANDO AQUELA MERDA, PRO FINAL DAS CONTAS MINHA MÃE VIR ME DIZER QUE ESTÁ EM OUTRO LUGAR COMPLETAMENTE DIFERENTE. Porque raios alguém leva um cabo USB pra cozinha? Nem me perguntem ok, eu já desisti.
Oba, achei meu cabo USB, vai eu toda feliz passar as músicas. E agora, o que fazer quando a memória externa do celular não quer abrir pra você passar as músicas? Não sei, se eu soubesse teria conseguido, e não estaria postando minha imbecilidade aqui... puta merda, não conheço ninguém mais tapada que eu nessa vida. Já estava tarde, e eu resolvi ir ver TV enquanto esperava começar o episódio inédito de House, que iria ver online. Eu ligo meu pc as 22h! Como alguém consegue ser tão jumenta?! Horário de verão ALOU.
Ok perdi o episódio, fui dormir puta da vida. Meu estômago começou a doer, e o cachorro da vizinha começou a latir. Um calor dos infernos.
Passei a noite toda acordada. E nada da dor passar...
Dia seguinte nem pro colégio eu fui. Eu estudo de manhã, até 12:20. Minha mãe ficou puta comigo, porque era pra eu ter ído ao médico semana passar ter visto essas dores e eu não fui. Motivo? Eu já fui lá umas 2342345435 vezes, eles sempre me mandam tomar a mesma merda de remédio. Eu sei que o certo seria eu ir e fazer exames e bla bla... mas eu sempre faço isso e nada resolve. As vezes uma dor de estômago é só uma dor de estômago. Ok, eu morrendo de dor de manhã, vou lá e tomo o bendito remédio que nunca me ajuda em nada, rs. Fiquei simplesmente dopada com aquela porra. Acordei 2 horas da tarde, vendo esquilos... Sim, eu juro que vi esquilos gente!
Ainda meio grogue, levantei, tomei um banho... eu precisava acordar pra vida, estudar já que não tinha ido à aula. Coloquei House pra baixar enquanto tentava estudar algo.
Quando o download acabou, fui assistir.
Conclusão: Que episódio fraco. Talvez nem todos tenham essa visão, principalmente quem goste de Taub, porque o episódio focou bastante nele. Ótimo, cada um está tendo sua oportunidade de aparecer mais na série. Mas o que fazer quando eles dão um episódio todo pra Cuddy, a gente pensa que o personagem dela está finalmente ganhando mais espaço, e estava mesmo. Eles colocam a mulher só pra dizer que apareceu, em uma cena de 38 segundos. Ok... não se pode ter tudo. Eu só queria que eles se dessem conta da merda que estão fazendo com House. Não to falando só por a Lisa ter ganhado menos espaço que os outros nesse episódio não/ o que geralmente ocorre em todos. Só quero dizer que não foi só uma parte de fãs de House que está descontente com essa temporada. Para os que são fãs somente do House, talvez nem tenham sofrido tanto... apesar de que depois que o personagem parou com o remédio tudo ficou estranho. O medo deles era House amolecer por correr atrás da Cuddy? Nem vi ele correndo tanto assim, e se amoleceu não foi por isso. Os fãs da Jennifer Morrison levaram outro tapa na cara com a saída dela. Para os fãs Huddy eu não preciso nem comentar né? Depois do final da 5ª temporada, House alucina sexualmente com a mulher. Todos na maior expectativa para a 6ª temporada. Ao invés de Broken ser ele conversando com o terapeuta sobre o que havia acontecido... ele vai lá e come a Ligya. Isso realmente foi algo que não fez sentido algum. Até então a Cuddy estava sozinha, livre, desempedida e boazuda. E mesmo assim ele corre atrás da outra. Bem feito, leva na cara. Mas eu ainda acho que isso não vai terminar por ai, enfim.
O que eu sinto é que os roteristas, diretores, enfim... ficam querendo voltar à atrás em algo que eles mesmos fizeram. O shore dizer que eventualmente os dois vão ficar juntos, ta mais pra um "terminar" juntos... coisa do tipo, no ultimo episódio de House, uma cena de 10 segundos. WTH!
 
 
 
tatygalimberti
24 February 2010 @ 08:41 pm

I got you under my skinCollapse )
 
 
tatygalimberti
24 February 2010 @ 08:14 pm

Strike a pose...Collapse )
 
 
tatygalimberti
24 February 2010 @ 07:46 pm


must reflectCollapse )
 
 
tatygalimberti
14 February 2010 @ 12:19 pm
Oi gente, andei meio sumidinha daqui. rs Mas eu não aguentei e apareci hoje. Eu nem postei meu surto aqui sobre o "5 to 9" mas depois falaremos disso. Eu queria expressar todo meu tédio sobre o carnaval. HAHAHAHA Tudo bem, tem gente que curte, eu acho legal ver toda essa felicidade do povo e tudo mais. Isso é tão brasileiro sabe? Mas eu não tenho culpa de não gostar. Enfim, todos estão na praia comendo farofada ( HAHA) uma hora dessas e eu tô aqui profundametne entediada, postando no lj. Mas calma... eu ainda vou fazer algo de bom hoje ok, eu prometo à mim mesma. Ok vamos surtar com o "5 to 9" 6x14 de House. O que dizer? Lisa maravilhosa! Eu juro que ri quando o relógio só mostrou dois minutos, HAHAAHAHA puta que pariu estão queimando o Lucas totalmente! Eu não odeio ele, como muita gente fala mal por ai... eu sou Huddy, mas nem por isso fico desejando a desgraça do personagem. Mas convenhamos, em certas cenas do episódio deu vontade de matar. O que foi aquilo? Desligar o telefone pra poder dormir? Pegar o celular da babá. Ah, convenhamos! Se não ajuda não atrapalha... HAHAHA
O que eu mais gosto da "Cuddy" é como ela fala algumas verdades na cara. E isso ficou bem evidente no episódio em algumas partes. Primeiro quando ela deixou claro para o Lucas que ela ficou frustrada, e depois quando o advogado à espera na sala dela. A cena do gritinho, OMG! KKKKKKKKK eu tive que rir daquilo. E a cena do final realmente muito lindinha. :D
Ok, deixando o surto atrasado do episódio de lado. Vou mudar de assunto. '-'
Eu não tinha dito aqui ainda mas, eu sou uma grande fã dos livros do Dan Brown. Eu realmente amo todos os livros dele, e o ultimo que eu li foi o " O símbolo perdido". O que dizer desse livro? Eu simplesmente, amei. Ele segue o mesmo estilo de todos os outros... aquela coisa que prende, e a gente eu não consigo parar de ler. Eu sinceramente fiquei impressionada por não have nada entre Katherine e Robert, que como eu sou uma shipper maníaca, fiquei um pouco triste. Dos meus shippers para Robert Langdon, eu achei que a Katherine seria a mais "forte". Não rolou, ok. Shipper sofre mesmo. Voltando ao assunto do livro, eu achei o tema do livro o ponto chave. Independente de o " o código da vinci " o símbolo, só utilizou o personagem mesmo, porque a história em si não depende de nada. Sobre a maçonaria foi realmente interessante, e em como todos os livros do Dan, aquela coisa "turística" predomina bastante, e cada vez que eu leio da vontade de viajar. HAHAHA Algumas coisas foram realmente "viajantes" mas eu gosto de ficção. Sobre a ciência noética também foi realmente interessante e vou até postar uma explicação rápida.

Também chamada de teoria noética, tem seu nome derivado do termo grego νοητικός (mental) e é um ramo da filosofia metafísica que se preocupa com o estudo da mente e da intuição. Entre as coisas que Katherine estudou estão experimentos com o peso da alma (similar ao conceito apresentado no filme 21 Gramas) e com as capacidades curativas de curandeiros e xamãs. Brown fala que esses experimentos chegam a comparar a atuação desses religiosos com a de Jesus na confecção de Seus milagres.

Enfim, assim como os outros livros, ele sempre gera uma certa "polêmica". Há muitas críticas negativas sobre o livro, mas eu ainda fico com a minha. Há aspectos negativos e positivos. É claro que eu não vou terminar de ler o livro e falar  "eu tenho o poder do pensamento, posso mudar as coisas". Mas o livro é uma boa reflexão, e vale a pena ser lido. Mas isso depende de gosto não é?
 
 
tatygalimberti
04 February 2010 @ 09:47 pm
I'm loving all the interviews that are coming out of Lisa! I can not wait for the episode on Monday.
One of the parts I liked most:

Echoing Hugh Laurie’s oft-stated theory of television characters, Edelstein believes her character hasn’t changed over six seasons so much as become more revealed. But, she elaborated, “as the years go by and the writers get to write more deeply about each individual, they just expose themselves little by little.” Although she didn’t mean physically—as in “nude,” Edelstein laughed “that’s pretty much what happened with my character. Every season, I become more and more disrobed.”